Categorias
Nota Oficial

UFRJ se mantém pautada pelas evidências científicas

Posicionamentos pessoais de profissionais ligados à UFRJ não podem ser considerados posicionamentos oficiais da Universidade

A UFRJ é uma instituição de ensino, pesquisa e extensão que continua sendo pautada pela prática baseada em evidências científicas.

Para o adequado controle da pandemia pela COVID-19, preconizamos o distanciamento social e o uso de mascaras e álcool como atitudes fundamentais para diminuir a transmissão do coronavírus e evitar a disseminação da doença, assim como o surgimento de novas variantes virais que podem ser ainda mais letais. A alta cobertura vacinal da população, associada aos cuidados mantidos de higiene e diminuição de circulação, poderá conter o vírus e evitar mais mortes.

Não preconizamos o uso de medicamentos que ainda estão em testes, sejam estes pré-clínicos ou clínicos, em quaisquer fases da COVID-19. Todos os estudos clínicos coordenados por pesquisadores da UFRJ devem, antes, ser aprovados pelos Comitês de Ética em Pesquisa e Comissão Nacional de Ética em Pesquisa.

A Reitoria da UFRJ salienta que os posicionamentos institucionais oficiais relacionados ao enfrentamento da COVID-19 são emitidos somente pelos seguintes Grupos de Trabalho:

  1. Multidisciplinar, sob a coordenação do professor Roberto Medronho;
  2. Para Estudos Durante e Pós-Pandemia, sob a coordenação da professora Maria de Fátima Bruno e
  3. COVID Macaé, sob a coordenação da professora Kathleen Cruz.

Temos assistido a posicionamentos pessoais, de profissionais ligados à UFRJ, sobre retorno de atividades presenciais, questionando a importância do distanciamento físico, do uso de máscaras ou mesmo indicando o uso de medicamentos sem comprovação científica, o que não deve ser considerado, em nenhuma hipótese, um posicionamento oficial da Universidade.

18/3/2021
Reitoria da UFRJ