Livro sobre Itamar Franco é lançado no Fórum

Foi lançado na quinta-feira, dia 27, no Fórum de Ciência e Cultura (FCC) da UFRJ, o livro Era uma Outra História: Política Social do Governo Itamar Franco: 1992-1994, de Denise Paiva. A obra reúne reflexões pessoais da autora, que atuou como assessora de Assuntos Sociais do ex-presidente, mas apresenta também documentos históricos e depoimentos de políticos e representantes de movimentos sociais. Alguns deles estiveram presentes na cerimônia de lançamento no Salão Moniz de Aragão do FCC, no campus da Praia Vermelha, como o ex-ministro do Planejamento Alexis Stepanenko e o jornalista e publicitário Celso Japiassu.

O livro aborda a importância do ex-presidente Itamar Franco na formulação de políticas sociais, como as campanhas ligadas à área de segurança alimentar. Denise discute também o papel do político mineiro no fortalecimento do diálogo com a sociedade civil e sua importância para a manutenção da governabilidade do país. Itamar assumiu a Presidência, em 1992, num período de forte instabilidade política, após o impeachment do presidente Fernando Collor de Mello, primeiro presidente eleito democraticamente depois de 21 anos de ditadura militar no país.

“Ele assumiu o país numa situação de debilidade institucional e com uma democracia muito frágil. Tínhamos tudo para dar errado, tudo para ter um retrocesso. No entanto, ele conduziu de uma forma sábia e principalmente a partir de uma relação muito digna e transparente com o Congresso. Ele conseguiu essa governabilidade também com os mecanismos de democracia participativa”, afirmou Denise em entrevista para o Portal da UFRJ.

Fome e inflação

Para Celso Japiassu, o livro resgata a memória de um tempo curto, mas que deixou um legado importante na área de política social. “Houve união das diversas correntes da opinião pública. Todos buscavam combater o inimigo comum, que era a fome do povo brasileiro. O país tinha 30 milhões de pessoas nessa situação. Essa consciência veio da militância do Betinho”, lembrou o publicitário.

O ex-ministro do Planejamento Alexis Stepanenko recordou também as adversidades do cenário econômico no período. Segundo ele, o país apresentava uma inflação de 30% a 40% ao mês. “Não se falava em políticas sociais antes do governo Itamar. Era necessário combater a fome e a inflação para depois pensar na retomada do crescimento”, afirmou o ex-ministro.

O livro, lançado pela Editora da Universidade Federal de Juiz de Fora, em parceria com a Fundação Astrogildo Pereira, traz depoimentos de outros nomes que participaram diretamente do governo Itamar Franco, dentre eles Eliseu Resende, Ruth Hargreaves, Zenildo Lucena, Walter Barelli, Leonor Franco, Jamil Haddad, Dom Mauro Morelli, Pedro Simon, Roberto Freire e Plínio de Arruda Sampaio.

O evento na UFRJ foi organizado pelo Núcleo de Estudos Transdisciplinares de Comunicação e Consciência (NETCCON) da Escola de Comunicação (ECO/UFRJ), pelo Núcleo de Estudos de Políticas Públicas em Direitos Humanos (NEPP/UFRJ) e pelo Fórum de Ciência e Cultura.