FCC e Coletivo CEU lançam obra sobre a Casa do Estudante Universitário

O Coletivo CEU e o Fórum de Ciência e Cultura (FCC) da UFRJ realizam, a partir das 19h da próxima quinta-feira (26), o lançamento do livro A Universalidade da CEU − Histórias da Casa do Estudante Universitário, no Colégio Brasileiro de Altos Estudos da UFRJ, avenida Rui Barbosa, 762, Flamengo. O lançamento contará com uma mesa de debates sobre o legado da CEU e a abertura de uma exposição sobre as memórias da Casa, em cartaz até 3/2. A obra é de autoria dos ex-residentes João Bosco Gomes, Domingos Moura de Oliveira e Carlos Dei Ribas.

Nos dias 27 e 28 o espaço reviverá alguns dos eventos que firmaram a CEU como um ambiente singular de resistência política e sociocultural. A programação começa com uma roda de conversa sobre os movimentos sociopolíticos que se reuniram na CEU, como o Comitê Brasileiro pela Anistia (CBA), Convergência Socialista, Liberdade e Luta (Libelu), Grupo Tortura Nunca Mais, Somos − Grupo de Afirmação Homossexual, Sociedade Brasil Mulher e Comitê de Imprensa Independente. Em seguida, Mestre Garrincha, um dos fundadores do Grupo Senzala, realiza uma roda de capoeira relembrando os tempos em que treinavam na Casa.

O evento continua com uma oficina de teatro com Amir Haddad e o Grupo Tá na Rua, que nasceu de experimentações de linguagem amadurecidas na CEU no final dos anos 1970. O sarau Balcão Poético, ícone da produção cultural da Casa que reunia artistas malditos e alternativos de diversas linguagens, encerrará a noite de sexta com participações especiais de Salgado Maranhão, Ronaldo de Macedo, Cátia de França, Mano Melo, entre outros.

Mariozinho Telles, diretor de uma das peças com maior projeção no Teatro da CEU, Labirinto, convida o público a brincar no espetáculo Samba-Lelê com seu grupo Teatro de Roda, na tarde de sábado. Em sequência, a projeção de uma breve montagem de trechos de obras audiovisuais filmadas na Casa ou exibidas no Cineclube da CEU dará lugar a um debate sobre cineclubismo. A Noite da Xiririca, baile com música ao vivo, completa a programação do dia.  

PROGRAMAÇÃO

Quinta, 26/1

19h00 - Sessão de abertura com o Magnífico Reitor da UFRJ, Roberto Leher, o Coordenador do Fórum de Ciência e Cultura da UFRJ, Carlos Vainer, e João Bosco Gomes, um dos autores do livro A Universalidade da CEU

19h20 – Mesa de debate sobre o legado da CEU. Com os ex-residentes Gilberto França, Jason Tércio, Juçara Braga, Rogério Lustosa, Salgado Maranhão e a arquiteta Maria Helena da Fonseca Hermes (FCC/UFRJ)

21h – Lançamento do livro com sessão de autógrafos e abertura da exposição

Sexta, 27/1

14h – Roda de conversa sobre os movimentos sociopolíticos na CEU

16h – Roda de capoeira com Mestre Garrincha

17h – Oficina de teatro com Amir Haddad e Grupo Tá na Rua

19h – Sarau Balcão Poético

 

Sábado, 28/1

16h – Teatro de Roda com a peça Samba-Lelê (direção: Mariozinho Telles)

17h30 – Cineclube da CEU e debate sobre cineclubismo

19h – Noite da Xiririca, baile com música ao vivo

 

Exposição: até 3/2, de segunda a sexta, das 13h às 20h, e sábado, das 16h às 20h

Mais informações em www.forum.ufrj.br, pelo e-mail coletivoceu__ARROBA_OBFUSCADAgmail.com ou pelo telefone (21) 2552-1195.