Coppe comenta exoneração de professor que presidia comissão no governo

A Diretoria da Coppe divulgou uma nota à comunidade, criticando o afastamento do professor Renato Cotta da Comissão Nacional de Energia Nuclear. O professor foi exonerado de forma abrupta na sexta-feira (17/3) pelo Governo Federal. Confira o texto:

À comunidade Coppe A Coppe/UFRJ, por meio de sua Diretoria, manifesta seu apoio ao professor da Coppe, Renato Cotta, cuja gestão como presidente da Comissão Nacional de Energia Nuclear (de 17/11/2015 a 17/3/2017) foi marcada pela competência técnica e integridade. Doutor em Mechanical & Aerospace Engineering pela North Carolina State University (EUA), o professor Cotta é pesquisador 1A do CNPq, membro da Academia Brasileira de Ciências, da Academia Nacional de Engenharia, da Third World Academy of Science (TWAS) e Comendador da Ordem Nacional do Mérito Científico.

Na oportunidade, manifestamos estranheza pelo abrupto afastamento do referido professor, em meio a um processo no qual o governo revela descaso em priorizar quadros técnicos qualificados na área da Ciência e Tecnologia, em total discordância com o espírito da nova Lei das Estatais.

Diretoria da Coppe/UFRJ