Nota Pública

Nota pública

Reunido em 9 de maio de 2017, o Conselho Diretor do Fórum de Ciência e Cultura deliberou manifestar publicamente sua solidariedade aos indígenas, quilombolas, assentados rurais, procuradores da República e aos antropólogos, entre os quais estão alguns alunos e ex-alunos da UFRJ, "indiciados" pela Comissão Parlamentar de Inquérito constituída para investigar ações da Fundação Nacional do Índio (Funai) e do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

Manifestamos igualmente nossa indignação e protesto frente a mais uma tentativa de criminalizar a prática profissional da perícia antropológica, pela simples razão de que esta pode subsidiar processos de reconhecimento de direitos de populações indígenas, em detrimento dos interesses de latifundiários e grileiros.

À violência contra populações indígenas, soma-se agora a tentativa de constranger e impedir a legítima e necessária ação dos defensores de direitos desses povos. Como em outros momentos de obscurantismo, a inteligência, a cultura e a ciência tornam-se alvo de ataques. Isso é simplesmente inaceitável.

Fórum de Ciência e Cultura

Conselho Diretor