História, ciência e samba

No ano de comemoração de seu bicentenário, o Museu Nacional virou tema de escola de samba. Para marcar a data, a unidade promove no sábado, 3/2, uma visita guiada gratuita inspirada no enredo Uma Noite Real no Museu Nacional, apresentado pela Imperatriz Leopoldinense.

A escola de Ramos celebra  a cultura, a ciência e a história desse patrimônio do Brasil e da UFRJ, levando para a Marquês de Sapucaí, em 2018, a importância desse espaço. Serão disponibilizados dois horários para a visitação do público: às 10h30 e às 13h, com distribuição de 50 senhas meia hora antes do início da sessão. Já os integrantes da Imperatriz Leopoldinense poderão visitar o espaço às 14h.

 

Para fechar a comemoração, a escola de samba fará, às 16h, um ensaio técnico aberto na Quinta da Boa Vista.

Serviço:

Museu Nacional da UFRJ

Quinta da Boa Vista – São Cristóvão

Sessões abertas ao público: 10h30 e 13h

Sessão exclusiva para integrantes da escola de samba: 14h

Distribuição de senha: 30 minutos antes das sessões

Ensaio técnico: 16h