Reitoria promove café da manhã com deputados e vereadores

Foto: Artur Moês (Coordcom/UFRJ)

A Reitoria da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) realizou na segunda (9/9) um encontro com deputados e vereadores do Rio de Janeiro com o objetivo de apresentar as demandas necessárias para a manutenção das atividades ainda deste ano e o orçamento de 2020.

Segundo a reitora da UFRJ, Denise Carvalho, esse foi o início de uma interação maior com a bancada dos parlamentares do Rio e não será o único encontro. A ideia é aproximar a Universidade da comunidade e dos parlamentares.

Sobre o orçamento de 2019, Carvalho reafirmou que a Universidade pode interromper o funcionamento em breve, uma vez que empresas prestadoras estão sem receber desde junho e podem parar de fornecer serviços como limpeza e segurança. Ela ressaltou também o corte de bolsas para pesquisas, que faz com que as pesquisas científicas sejam freadas.

Questões prioritárias

Foram apresentados projetos considerados prioritários para a destinação de verbas orçamentárias, como o Hospital Universitário e o Museu Nacional, segundo o vice-reitor, Carlos Frederico Leão Rocha. “O Hospital Universitário está em uma trajetória ascendente, aumentando o número de intervenções, e nós podemos melhorar bastante no longo prazo”, afirmou Rocha. As demandas citadas envolvem a Escola de Belas Artes (EBA) e os laboratórios do Centro de Ciências da Saúde (CCS), entre outras.

Os deputados presentes se comprometeram a fazer esforços para a destinação de emendas parlamentares para os projetos indicados pela UFRJ.

Cortes

O deputado Marcelo Freixo destacou a inutilidade da diferenciação entre o uso das palavras “contingenciamento” e “corte”. Para ele, essa é uma falsa polêmica. “Essa falsa polêmica é resolvida quando a universidade fecha as portas. Quando não tem possibilidade de manter o hospital ou pagar a conta de luz. Não faz sentido essa bobagem a qual somos levados a debater. É corte.”

Estiveram presentes a deputada federal Jandira Feghali (PC do B/RJ), a deputada estadual Enfermeira Rejane (PC do B/RJ), o deputado federal Marcelo Freixo (PSOL/RJ), o deputado estadual Luiz Paulo (PSDB/RJ), o deputado federal Paulo Ganime (Novo/RJ), entre outras autoridades.