UFRJ lança Plano de Contingência para a COVID-19

Imagem em preto e branco do interior do prédio da Reitoria
Plano de Contingência da UFRJ Foto: Mariana Vieira

Atualizado às 11h15 de 10/4

A UFRJ, por meio do Grupo de Trabalho Multidisciplinar para Enfrentamento da COVID-19, elaborou o Plano de Contingência para enfrentamento da pandemia causada pelo novo coronavírus no âmbito da Universidade.

O documento, que define as ações que devem ser realizadas pela instituição para atender emergências relativas à doença, tem como objetivo descrever as medidas adotadas para garantir os procedimentos e processos necessários.

Segundo Carlos Frederico Leão Rocha, vice-reitor da Universidade, o documento nasceu diante da necessidade de compreender as consequências causadas pela doença e permitiu uma ação coordenada dos diferentes agentes que detêm tanto atribuições administrativas como o conhecimento científico necessário para o enfrentamento da pandemia. “Hoje, a UFRJ desenvolve um conjunto de ações que tem não só protegido e assegurado o bem-estar social de seu corpo social, mascontribuído para a sociedade”, ressaltou.

O Plano de Contingência busca organizar e orientar as ações, facilitando e uniformizando as respostas de controle e combate ao novo coronavírus. Entre os temas abordados no documento, estão assistência estudantil, prevenção à saúde e medidas administrativas e acadêmicas.

A publicaçãotambémtraz iniciativas já postas em prática pelo Grupo de Trabalhopor e todo o corpo social da Universidade, como produção de álcool 70% para hospitais e outras unidades da UFRJ, criação de protetores faciais, sistema de coletas de testes para identificação de contaminados, projeto de respirador alternativo, implementação de novos leitos hospitalares para receber pacientes, além de ações de pesquisa e apoio às autoridades na tomada de decições.

O documento oferece, ainda, diretrizes à comunidade da UFRJ, formada por seu corpo docente, discente e técnico-administrativo, incluídos os extraquadrosestendendo-se os seus efeitos, no que couber, aos colaboradores de contratos terceirizados e concessionários.

Acesse o documento na íntegra no site da UFRJ sobre o novo coronavírus.