Estrutura

A estrutura da UFRJ é formada por :

  • Reitoria
  • Conselhos Superiores
  • Pró-Reitorias e órgãos ligados à infraestrutura (Prefeitura Universitária e Escritório Técnico da Universidade)
  • Estrutura Média

Veja aqui a relação completa de endereços, equipes e contatos.

Reitoria

A Reitoria – além de suas funções administrativas – é responsável por firmar convênios e parcerias com objetivo de projetar e ampliar ainda mais as atividades científicas e tecnológicas da instituição no Brasil e exterior.

A estrutura da Reitoria é composta por:

Conselhos Superiores

A estrutura administrativa e acadêmica da UFRJ é definida pelos conselhos:

Conselho Universitário (Consuni)

O Conselho Universitário, órgão máximo da instituição, delibera em última instância sobre questões como a criação e a mudança de cursos e aprova a nomeação dos pró-reitores.

Conselho de Curadores

O Conselho de Curadores é o órgão deliberativo para assuntos de patrimônio da UFRJ, tendo como finalidade precípua o controle do movimento financeiro e patrimonial da universidade.

Conselho de Ensino de Graduação (Ceg)

O Conselho de Ensino de Graduação (Ceg) é um órgão colegiado formado por professores, alunos de graduação e servidores técnico-administrativos. Define a política acadêmica dos cursos e as normas para o vestibular.

Conselho de Ensino para Graduados (Cepg)

O Conselho de Ensino para Graduados (Cepg) é formado por professores, alunos de pós-graduação e servidores técnico-administrativos. Define as normas dos cursos.

Conselho Superior de Coordenação Executiva (CSCE)

O Conselho Superior de Coordenação Executiva (CSCE) é o órgão de coordenação da estrutura superior da Universidade.

Conselho de Extensão Universitária (Ceu)

O Conselho de Extensão Universitária (Ceu) é formado por professores, alunos de graduação e servidores técnico-administrativos. Define as regras e normas da Universidade em matéria de extensão ou suas alterações.

. . .

Assista as transmissões ao vivo dos Colegiados Superiores no canal da WebTV UFRJ no Youtube.

Pró-Reitorias e órgãos ligados à infraestrutura

Pró-Reitoria de Graduação (PR1)

A Pró-Reitoria de Graduação (PR1) é responsável pela coordenação dos cursos de graduação, supervisão e controle de sua execução pelos centros e unidades universitárias; supervisão das atividades didáticas; planejamento e supervisão do programa de atividades culturais, desportivas, recreativas e extracurriculares; elaboração de normas e planos concernentes à concessão de bolsas e assistência financeira, relacionadas com o processo de formação profissional, facilidades relativas ao livro didático e ao material escolar, alojamento, alimentação e transporte dos estudantes em coordenação com os competentes órgãos administrativos especiais; assistência médica, social e jurídica aos estudantes; elaboração de normas para o regime disciplinar; orientação da comunidade estudantil e assistência aos seus problemas e aspirações.

Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (PR2)

A Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (PR2) é responsável pela formulação, coordenação e supervisão das normas para o funcionamento dos cursos de pós-graduação, bem como as normas para avaliação e registro das atividades de pesquisa, com o objetivo de contribuir para a formação de cidadãos com alto nível de qualificação, para o crescimento e a disseminação da produção científica, artística e cultural e para o desenvolvimento tecnológico do país. A política institucional da PR-2 visa fortalecer a qualidade da pós-graduação na UFRJ, envolvendo de forma abrangente todas as áreas do conhecimento.

Pró-Reitoria de Planejamento, Desenvolvimento e Finanças (PR3)

A Pró-Reitoria de Planejamento, Desenvolvimento e Finanças (PR3) é responsável pela elaboração de normas e critérios para o planejamento estratégico, físico, financeiro e orçamentário da Universidade; coordenação, acompanhamento e controle das atividades de planejamento de todas as Unidades, Centros, Órgãos e serviços da Universidade; proposta de alteração das dotações orçamentárias, abertura de créditos adicionais e criação de fundos; proposta de fixação de preços de serviços prestados, taxas e emolumentos; elaboração das normas de administração patrimonial; administração dos bens do patrimônio; inventário do patrimônio e seu controle permanente; alienação e oneração de bens.

Pró-Reitoria de Pessoal (PR4)

A Pró-Reitoria de Pessoal (PR4) abrange as atividades relativas à elaboração de normas e planos referentes ao desenvolvimento e qualificação de pessoal; execução administrativa dos planos aprovados, quando de implementação centralizada, e coordenação, acompanhamento e controle, quando de implementação descentralizada; supervisão da administração e consequente alocação de pessoal nos órgãos administrativos e nas unidades; controle permanente dos assentamentos de pessoal.

Pró-Reitoria de Extensão (PR5)

A Pró-Reitoria de Extensão (PR5) é o orgão responsável pela gestão das atividades de extensão realizadas pela UFRJ. Foi criada em 1985 com a denominação de Sub-Reitoria de Desenvolvimento e Extensão (SR-5). A partir de 2003 passou a ser denominada de Pró-Reitoria de Extensão.

Tem por finalidade articular e apoiar a execução da política de extensão da UFRJ, coordenando as atividades de extensão dos diversos setores da Universidade. Entende que a extensão universitária é fundamental na formação de nossos estudantes e colabora com os cursos de graduação e pós-graduação na criação de espaços de convergência que estimulem a integração entre as unidades acadêmicas para o desenvolvimento das ações de extensão.

Pró-Reitoria de Gestão e Governança (PR6)

A Pró-Reitoria de Gestão e Governança (PR6) é responsável pela operação dos processos administrativos relativos a licitações, contratos, materiais e serviços, gestão patrimonial e normatização dos respectivos procedimentos administrativos, apoiando as unidades e exercendo uma gestão pautada na publicidade e na transparência de seus atos administrativos, que assegure a integridade e o controle dos riscos inerentes às atividades da universidade.

É também de sua competência estabelecer, consolidar e dirigir um sistema para monitorar, avaliar e prover meios para a melhoria contínua dos processos administrativos relativos a licitações, contratos e gestão do patrimônio mobiliário e imobiliário da UFRJ, envolvendo suas unidades, os servidores e demais atores sociais e políticos intervenientes nos processos da UFRJ.

Pró-Reitoria de Políticas Estudantis (PR7)

A Pró-Reitoria de Políticas Estudantis (PR7) tem por objetivo constituir-se numa estrutura pedagógico-administrativa vinculada ao Gabinete do Reitor, voltada ao planejamento, coordenação, acompanhamento e avaliação dos programas e ações direcionados à comunidade discente, buscando a consolidação de uma ampla política de atendimento e assistência  aos discentes da UFRJ, visando à disponibilização de condições adequadas para acesso, permanência, condições adequadas para o bem-viver na universidade, bom aproveitamento, aprendizado e excelência acadêmica.

Prefeitura Universitária

A Prefeitura da UFRJ é um órgão executivo da Estrutura Superior da UFRJ com competência para gerir a segurança das áreas físicas comuns dos campi universitários, o controle do sistema viário, a manutenção e conservação das vias e equipamentos públicos, entre outras atribuições.

Escritório Técnico da Universidade (Etu)

O Escritório Técnico da Universidade (Etu) é um órgão da estrutura da UFRJ, assim como integra o Conselho Superior de Coordenação Executiva – CSCE. Tem por missão assegurar suporte técnico ao gabinete do reitor, à comunidade acadêmica e às partes interessadas da UFRJ nas questões relativas a edificações.

Estrutura Média

A estrutura média reúne cinco centros e suas respectivas unidades. Além deles, fazem parte dessa estrutura: os campi avançados de Duque de Caxias e Macaé, o Complexo de Formação de Professores, o Complexo Hospitalar e o Fórum de Ciência e Cultura.

Centro de Ciências Jurídicas e Econômicas (CCJE)

O Centro de Ciências Jurídicas e Econômicas (CCJE) coordena as atividades universitárias de três unidades:

Além disso, integram o CCJE os seguintes órgãos suplementares:

A FND, uma das três unidades que, em setembro de 1920, foram reunidas para criar a atual UFRJ, ocupa um prédio histórico no Centro da Cidade. O Ippur e a Coppead ficam na Cidade Universitária. O IE e a Facc, no campus da Praia Vermelha, onde também funciona a Decania, a direção executiva do Centro.

O centro desenvolve também um programa de integração acadêmica composto por um projeto de reforma institucional com câmaras de graduação, extensão e pesquisa e um conjunto de programas integrados em novas áreas.

Centro de Ciências Matemáticas e da Natureza (CCMN)

O CCMN reúne as seguintes unidades universitárias:

O CCMN é integrado, ainda, pelos seguintes órgãos suplementares: 

Centro de Ciências da Saúde (CCS)

O Centro de Ciências da Saúde (CCS) é o maior centro da universidade. Possui 26 unidades e órgãos suplementares, entre faculdades, escolas, institutos, núcleos, além de hospitais universitários. Sua comunidade é composta por cerca de 1140 professores, 8500 alunos de graduação e pós-graduação e 5180 servidores técnico-administrativos, desenvolvendo suas atividades em diversas sedes, localizadas na Cidade Universitária, Praia Vermelha, centro do Rio de Janeiro e em Macaé – RJ. Possui uma biblioteca central e onze setoriais. A excelência do ensino ministrado no CCS pode ser constatada pelo alto índice de desempenho no ENAD: 80% dos cursos de graduação avaliados (7) com conceito A, sendo quatro com a maior média nacional.

As unidades universitárias do CCS são as seguintes:

No plano pedagógico, a estrutura departamental da Faculdade de Medicina é integrada pelos seguintes órgãos suplementares:

Além disso, são órgãos suplementares do CCS:

Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFCH)

O Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFCH) reúne seis unidades universitárias e três órgãos suplementares.

As unidades universitárias do CFCH são: 

O centro é integrado, também, pelos seguintes órgãos suplementares:

O Instituto de Psicologia, a Escola de Comunicação, a Faculdade de Educação, a Escola de Serviço Social e o Núcleo de Estudos de Políticas Públicas em Direitos Humanos Suely Souza de Almeida estão localizados no campus da Praia Vermelha.

O Instituto de Filosofia e Ciências Sociais e o Instituto de História localizam-se no centro da cidade do Rio.

O Colégio de Aplicação localiza-se na Lagoa e a Escola de Educação Infantil fica localizada no campus da Cidade Universitária.

Centro de Letras e Artes (CLA)

O Centro de Letras e Artes (CLA) reúne as seguintes unidades universitárias:

Integra o CLA como órgão suplementar:

  • Núcleo de Pesquisa Habitacional

Centro de Tecnologia (CT)

O Centro de Tecnologia (CT), segundo maior da UFRJ, compreende as seguintes unidades universitárias:

O CT é integrado, ainda, pelos seguintes órgãos suplementares:

A qualidade do ensino ministrado é garantida por cerca de 500 professores, 4000 alunos de graduação, 4900 de pós-graduação e 700 servidores administrativos e pode ser comprovada pelo alto índice de procura de seus cursos – referência nacional no setor – e pela importante contribuição de seus docentes e pesquisadores na busca de soluções para problemas tecnológicos no Brasil e no exterior.

Campus Duque de Caxias

 O Campus Duque de Caxias – Professor Geraldo Cidade tem como missão institucional produzir conhecimentos científicos e tecnológicos de ponta, com a característica marcante da interdisciplinaridade e formar profissionais de excelência, reflexivos e comprometidos com o contexto social em que estão inseridos, de forma a serem agentes transformadores da realidade, com autonomia e competência para construção de uma sociedade justa e democrática.

Campus Macaé

O Campus Macaé- Professor Aloísio Teixeira totaliza onze cursos de graduação e três cursos de pós-graduação stricto sensu em nível de mestrado, e está constituído fisicamente em três polos: Universitário, Barreto e Ajuda.

Complexo Hospitalar

A formação do Complexo Hospitalar e da Saúde da UFRJ visa criar condições para que o ensino e a pesquisa na área de saúde possam desenvolver-se dentro de um alto padrão de qualidade assistencial ao paciente, usuário do sistema e com otimização de custos. A UFRJ como instituição pública de ensino superior tem a responsabilidade de garantir formação de profissionais altamente qualificados que possibilitem o alto padrão de qualidade a estes pacientes. 

Complexo de Formação de Professores

O Complexo de Formação de Professores é uma política institucional de articulação da formação inicial e continuada de professores, com foco na Educação Básica (EB), visando a afirmação de uma cultura profissional e um protagonismo dos docentes das escolas da EB na formação dos futuros professores. Essa política caracteriza-se:

  • Pela parceria entre diferentes Instituições e Redes públicas de ensino do Rio de Janeiro;
  • Pela participação dos sujeitos envolvidos: estudantes, professores e gestores que atuam na Educação Básica e/ou Ensino Superior.

Fórum de Ciência e Cultura (FCC)

O Fórum de Ciência e Cultura (FCC) é assimilado pelo Estatuto da universidade aos demais Centros. Sua originalidade reside num desafio particular: ser lócus privilegiado da comunicação e do diálogo, do encontro e confronto de ideias, visões, concepções e perspectivas. Em consequência, ele busca permanentemente realizar o ideal, em certa medida utópico, de um saber e fazer acadêmicos que se abrem para o mundo, para a sociedade brasileira em particular.

São órgãos do FCC:

Integra o FCC como órgão suplementar:

  • Sistema de Museus, Acervos e Patrimônio Cultural da UFRJ (Simap)

Organograma da UFRJ

Organograma da UFRJ