Nota de pesar

A Universidade Federal do Rio de Janeiro manifesta profundo pesar e dor pelo falecimento do professor Jorge Brovetto, ex-reitor da Universidade da República Uruguai (Udelar), ex-ministro da Educação e lutador das causas democráticas no Uruguai.

Em linha com as demais universidades latino-americanas, reivindicava suas lutas em prol da integração das universidades públicas da região, objetivo que logrou avanços extraordinários com a fundação da Associação de Universidades do Grupo Montevidéu (AUGM) em 1991, a qual contou com o indispensável protagonismo de Brovetto.

Em toda parte, sua liderança intelectual se destacou, especialmente nos fóruns internacionais, seja na Unesco, seja especialmente no Instituto Internacional para a Educação Superior na América Latina (Iesalc). Em todos os fóruns, defendeu que a educação não pode ser comodificada como mercadoria.

Tive a honra de conviver com Brovetto no Grupo de Trabalho Universidad y Sociedad do Conselho Latino-Americano de Ciências Sociais: suas contribuições foram extraordinárias, sempre objetivas, profundas e esclarecedoras. Ademais, Jorge sempre foi um ser humano maravilhoso, vivaz, que compartilhava ensinamentos de vida inspiradores. Esses ensinamentos e exemplos nos acompanharão nas lutas futuras.

A UFRJ se solidariza com a família, com os amigos e, particularmente, com a comunidade da Udelar.

 

Roberto Leher

Reitor da UFRJ