Nota de pesar

Foto de Alba Zaluar em entrevista
Foto: Reprodução/TV Brasil

Foi com pesar que a Reitoria da UFRJ  recebeu a notícia do falecimento de Alba Zaluar, na quinta-feira, 19/12. Alba foi referência nos campos da sociologia e antropologia urbana e da violência no Brasil, tendo publicado dezenas de artigos, capítulos e livros sobre os temas.

A pesquisadora concluiu a graduação em Ciências Sociais na UFRJ em 1965. Mestra em Antropologia Social pelo Museu Nacional/UFRJ, doutorou-se na mesma área, em 1984,  pela Universidade de São Paulo (USP).

Livre-docente pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Alba foi professora titular de Antropologia no Instituto de Medicina Social (IMS) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), unidade acadêmica que fundou, em 1997, e na qual coordenou o Núcleo de Pesquisa em Violências (Nupevi), com diversas pesquisas quantitativas e qualitativas no tema das violências doméstica, policial, urbana e vinculada ao tráfico de drogas.

Mesmo se aposentando em 2012, a cientista atuava como professora visitante no Instituto de Estudos Sociais e Políticos (Iesp) da Uerj.

A Reitoria da UFRJ lamenta a perda da pesquisadora para a cena científica brasileira e presta condolências à família e aos amigos.

Reitoria da UFRJ
19/12/2019